Concurso GFT CODE_n15: 50 startups de 17 países apresentam suas inovações em Internet das Coisas durante a CeBIT

Concurso GFT CODE_n15: 50 startups de 17 países apresentam suas inovações em Internet das Coisas durante a CeBIT

Indústria 4.0, Smart City, Futuro da Mobilidade e Vida Digital são as quatro áreas temáticas das soluções que serão apresentadas na feira de tecnologia

São Paulo, 28 de janeiro de 2015 – Ao todo, 400 startups de todo o mundo apresentaram seus modelos de negócios e conceitos sobre a Internet das Coisas no concurso GFT CODE_n deste ano. Mas apenas 50 chegaram à final. Sob o tema "Into the Internet of Things" (do inglês, Sobre a Internet das Coisas), os finalistas apresentarão suas soluções inovadoras no Salão 16 do GFT CODE_n na CeBIT, que ocorrerá período de 16 a 20 de março de 2015, em Hannover, na Alemanha.

"Como todos os anos, estamos absolutamente entusiasmados depois de selecionar os finalistas. Em alguns casos, você realmente se pega dizendo: eu deveria ter pensado nisso. Mas em cada caso, a dedicação, a competência técnica e a visão apresentada pelos nossos finalistas para implementar suas ideias é realmente impressionante", diz Ulrich Dietz, CEO do Grupo GFT e iniciador do GFT CODE_n.

As soluções apresentadas nas quatro áreas temáticas - Indústria 4.0, Smart City, Futuro da Mobilidade e Vida Digital - também demonstram o escopo completo do tema deste ano do GFT CODE_n, tanto para a economia quanto para a sociedade como um todo. "O crescente processo de digitalização vem causando um enorme impacto em nossas vidas privadas e profissionais. Estamos diante de enormes desafios e os finalistas do concurso estão demonstrando como lidar com estas demandas e como explorar as oportunidades. Isso nos tranquiliza tanto quanto nos estimula", explica Marco Santos, Managing Director Latin America do Grupo GFT.

Há uma forte mistura internacional nos temas Futuro da Mobilidade, Vida Digital e Smart City. Os onze finalistas de Smart City vêm de dez países diferentes. "As cidades em todo o mundo estão crescendo a uma velocidade vertiginosa. Os governantes enfrentam enormes desafios no que diz respeito à mobilidade, ao abastecimento de energia, recursos escassos, proteção ambiental e serviços de saúde", diz Mark Smith, sócio-diretor da EY (Ernst & Young).

"Lidar com o crescimento dessas cidades, enquanto mantemos ou até mesmo melhoramos a qualidade de vida requer ideias completamente novas. Tecnologias digitais inovadoras podem ajudar muito nesse sentido. E eu estou realmente impressionado com as ideias e soluções inteligentes e criativas desenvolvidas pelos finalistas nestes domínios orientados para o futuro", salienta Smith.

Para Frank Riemensperger, Country Managing Director da Accenture na Alemanha e co-presidente da academia de trabalho Smart Service Welt, não há surpresa com o grande número de finalistas alemães. "Dos 13 finalistas cujas inovações concentram-se na indústria da Internet das Coisas, nove são alemãs. Isso mostra claramente as oportunidades oferecidas pelo forte núcleo industrial da maior economia europeia, principalmente quando se trata de aproveitar as possibilidades quase ilimitadas de digitalização para desenvolver modelos de negócios e serviços de Internet com produtos inteligentes”, pontua Riemensperger.

A necessidade de transformação digital é enorme e oferece excelentes perspectivas de crescimento, especialmente nos principais setores industriais. Em suas várias abordagens, os finalistas de Indústria 4,0 concentraram-se em soluções de plataforma com as quais as empresas podem gerenciar de forma eficiente a sua manutenção, administração e desenvolvimento de aplicações do tipo máquina-para-máquina.

O CEO da Salesforce alemã, Joachim Schreiner, está impressionado com a variedade de soluções GFT CODE_n, que criaram um verdadeiro ecossistema de inovações. "Quer trate-se de partilha de espaço de estacionamento, sistemas de controle centrais de casas inteligentes, sensores de vestuário que medem e analisam com precisão a saúde atual, ou de soluções de auto-aprendizagem de mineração de dados para análise de futuro que ajudem as empresas a otimizar seus processos, todas essas ideias e modelos de negócios já estão surgindo. Isso cria uma enorme fonte de possíveis parceiros e oportunidades futuras às empresas já estabelecidas”, explica ele.

"O GFT CODE_n15 é o ajuste perfeito para o tema principal da CeBIT - d!conomy", diz Oliver Frese, Membro do Conselho da Deutsche Messe, responsável pela feira CeBIT. "Isso dá a chance de mostrar à jovens startups com ideias desordenadas o que a digitalização vai significar para a indústria e a sociedade no futuro. Como nos anos anteriores, o GFT CODE_n15 será mais uma vez um núcleo para pioneiros digitais na CeBIT. E com o lema deste ano, "Into the Internet of Things", estou certo de que o salão 16 irá mais uma vez impressionar nossos visitantes", finaliza Frese.

"O crescente processo de digitalização vem causando um enorme impacto em nossas vidas privadas e profissionais. Estamos diante de enormes desafios e os finalistas do concurso estão demonstrando como lidar com estas demandas e como explorar as oportunidades. Isso nos tranquiliza tanto quanto nos estimula"”
Marco Santos Regional Managing Director Latam da GFT
Quote