Grupo GFT registra crescimento e supera previsão de receita e lucro para 2015

Grupo GFT registra crescimento e supera previsão de receita e lucro para 2015

A receita consolidada aumentou em 34%, atingindo 373,51 milhões de euros. Já o lucro (EBITDA) melhorou em 36%, alcançando 44,56 milhões de euros

São Paulo, 03 de março de 2016 – O Grupo GFT anunciou hoje os dados preliminares e não auditados referentes ao quarto trimestre e ao exercício de 2015. A receita consolidada aumentou 34%, atingindo 373,51 milhões de euros no exercício de 2015. No ano anterior a receita foi de 279,24 milhões de euros.


Esta positiva evolução das receitas resultou do forte crescimento, bem como da aquisição da empresa sediada no Reino Unido, a Rule Financial Ltd., em junho de 2014, e da empresa espanhola Adesis Netlife SL, em julho de 2015. Ajustado às contribuições de receita da Rule, de 78,86 milhões de euros (no ano anterior foi de 38,39 milhões de euros), e da Adesis, de 6,42 milhões de euros, o Grupo GFT alcançou um crescimento de 20%.


Os principais fatores de expansão devem-se às soluções de TI que atendem às demandas regulatórias e especialmente a programas de transformação digital dos processos de negócio de instituições financeiras.


Devido à positiva evolução das receitas e a elevada utilização da capacidade de 89%, com base na utilização do pessoal em projetos de clientes, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) atingiu 44,56 milhões de euros, o que representa uma melhora de 36% em relação aos 32,82 milhões de euros do ano anterior. Já os lucros antes dos impostos (EBT) aumentou em 28%, de 25,41 para 32,52 milhões de euros.

 

"A expectativa é que os orçamentos de TI para desenvolvimento de novas demandas regulatórias no setor financeiro mantenham-se elevados nos próximos anos. Ao mesmo tempo, acreditamos que os bancos - especialmente os bancos de varejo - estão investindo mais na transformação digital de seus processos de negócios. Vemos um grande potencial neste mercado e temos como objetivo solidificar ainda mais a nossa posição como fornecedor líder de soluções financeiras digitais", diz Ulrich Dietz, CEO do Grupo GFT.

 

No Brasil, a GFT tem consolidado sua presença no mercado nacional como a Referência em Digital para o Segmento Financeiro. “Prova disso é que nossa receita cresceu aproximadamente 102%. Esse excelente avanço se deve ao aumento da demanda por projetos de transformação digital para bancos, seguradoras, cartões entre outras empresas do seguimento financeiro. E, mesmo diante da crise econômica Brasil, em 2015, crescemos em 60% o número de funcionários no Brasil, passando de 283 para 454 colaboradores comparado ao ano anterior”, comemora o managing director Latam do Grupo GFT, Marco Santos.

 

Número de colaboradores ultrapassa 4 mil


Até 31 de dezembro de 2015, o Grupo a GFT contava com 4,050 colaboradores em tempo integral, representando um crescimento de 29% em relação ao mesmo período de 2014, no qual o número de colaboradores era de 3.131. O aumento de headcount resulta da contratação de novos funcionários em vários países - sobretudo em centros de desenvolvimento na Espanha, Polônia, Costa Rica e no Brasil, além da aquisição da Adesis, com 300 colaboradores na Espanha e no México.


Resultados do quarto trimestre de 2015


A receita consolidada gerada no quarto trimestre de 2015 foi de 102,03 milhões de euros, correspondendo a um crescimento ano-a-ano de 16% (Q4 / 2014: 87,77 milhões de euros). O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) melhorou em 31%, para passando de 10,14 milhões de euros no quarto trimestre de 2014 a 13,26 no mesmo período de 2015. Já o lucro antes de impostos (EBT) aumentou 32%, de 7,38 a 9,77 milhões de euros.

 

Outros dados financeiros


Até 31 de dezembro de 2015, o caixa, os equivalentes de caixa e títulos totalizaram 47,10 milhões de euros, 8,85 milhões de euros acima do valores do exercício de 2014 (38,25 milhões de euros em 31 de dezembro de 2014). O capital próprio, datado de 31 de dezembro de 2015, totalizou 124,45 milhões de euros, sendo 24,04 milhões a mais em relação à data do balanço de 31 de dezembro de 2014, que fechou em 100,41 milhões de euros. O total de ativos aumentou em 25,16 milhões de euros, passando de 301,65 a 326,81 milhões de euros, de 31 de dezembro de 2014 ao mesmo período de 2015. Como resultado do aumento no balanço total e da variação do capital próprio até 31 de dezembro de 2015, a quota de capital próprio (equity ratio) aumentou em 5%, fechando em 38%.

 

Panorama


O Grupo GFT antecipa um desenvolvimento positivo da empresa em 2016 e prevê uma receita de 410,00 milhões de euros. Espera-se um aumento no EBITDA e EBT, atingindo 48,50 milhões e 35,00 milhões de euros no ano, respectivamente.


Considerando que a procura por soluções para digitalização dos processos de negócios e,ou que atendam às demandas regulatórias continuem elevadas, Grupo GFT espera atingir 800 milhões de euros a médio prazo, com uma margem EBITDA de cerca de 12% em 2020. O plano subjacente de negócios prevê um crescimento consistente de cerca de 10% ao ano, em conjunto com aquisições direcionadas.

 

Valores financeiros detalhados estão disponíveis na seção de Investor Relations do website da GFT- http://www.gft.com/ir.

No Brasil, a GFT tem consolidado sua presença no mercado nacional como a Referência em Digital para o Segmento Financeiro. Prova disso é que nossa receita cresceu aproximadamente 102%. Esse excelente avanço se deve ao aumento da demanda por projetos de transformação digital para bancos, seguradoras, cartões entre outras empresas do seguimento financeiro. E, mesmo diante da crise econômica Brasil, em 2015, crescemos em 60% o número de funcionários no Brasil, passando de 283 para 454 colaboradores comparado ao ano anterior.”
Marco Santos Regional Managing Director Latam da GFT
Quote

Key figures (não auditado) em conformidade com o IFRS 5:

Valores em conformidade com o IFRS - em milhões de euros

01.01.-31.12.2015

01.01.-31.12.2014

Possíveis discrepâncias devido às diferenças de arredondamento

 

Faturamento

373,51 279,24

EBITDA

44,56 32,82

EBIT

34,23

26,42

Lucro antes dos Impostos (EBT)

32,52

25,41

Lucro líquido para o período

26,55 18,59

Lucro/ação segundo IAS 33 em euros

1,01

0,71

Quota de capital Próprio (%)

 38 (31.12.2015)

33 (31.12.2014)

Colaboradores (em tempo integral) até 31.12 

4,050

3,131

 

Principais dados para o Exercício de 2015 (Não auditado)

Demonstrações Financeiras de 2015 (Não auditado)

Resultados 2015 - Apresentação para analistas (en inglés)

Principais dados para o Exercício de 2015 (Não auditado)

Demonstrações Financeiras de 2015 (Não auditado)

Resultados 2015 - Apresentação para analistas (en inglés)

Resultados Preliminares do Exercício de 2015

Grupo GFT registra crescimento e supera previsão de receita e lucro para 2015