Grupo GFT aposta na transferência bancária via SMS

Grupo GFT aposta na transferência bancária via SMS

Métodos de pagamento móvel são um alicerce para a bancarização do país

São Paulo, 2 de julho de 2012 – Por acreditar no potencial dos dispositivos móveis, que têm revolucionado a maneira de se comunicar, o Grupo GFT, provedor global de soluções de Tecnologia da Informação para o setor financeiro, lançou um protótipo que promove uma nova realidade na forma de fazer pagamentos e no gerenciamento das finanças.

A solução, chamada de SMS Cash, é um aplicativo bancário móvel que permite realizar pagamentos e transferências bancárias através de smartphones ou tablets. O funcionamento é simples: O usuário acessa a aplicação bancária através de seu celular e envia o código de transação para o dispositivo móvel do recebedor. Este, por sua vez, se dirige a um caixa eletrônico do banco do emissor, digita o código enviado por SMS e faz o saque autorizado pelo servidor do banco. O usuário também pode enviar o código ao celular do recebedor através de um caixa eletrônico ou uma agência bancária.

Essa aplicação, segundo o country managing director da GFT Brasil, Marco Santos, fortalece a perspectivas da bancarização no País, onde, segundo dados da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), há 130 celulares para cada 100 habitantes. “Num País em que o número de telefones celulares já ultrapassou o número de habitantes, é chegada a hora dos bancos identificarem neste quociente uma oportunidade para novos métodos de pagamento, especialmente nas regiões em que a infraestrutura dos bancos não chega ou é falha”, alerta Santos, acrescentando que a tecnologia permite a um proprietário de uma conta bancária enviar dinheiro a outras pessoas sem que estes tenham necessidade de possuir uma conta própria.

Num país em que o número de telefones celulares já ultrapassou o número de habitantes, é chegada a hora dos bancos identificarem neste quociente uma oportunidade para novos métodos de pagamento, especialmente nas regiões em que a infraestrutura dos bancos não chega ou é falha.”
Marco Santos Managing Director Latam
Marco Santos