Lésbicas, gays, bissexuais, transsexuais, travestis e muitas outras formas de ser, viver e se relacionar: esse é o grupo representado pela sigla LGBT+.

Infelizmente, não é incomum ouvir histórias de pessoas que foram expulsas de casa pelo simples fato de serem LGBTs. O preconceito ainda é tão presente que, a cada três homossexuais, apenas sente-se confortável o bastante para não omitir no ambiente de trabalho – quem não se assume tem medo de que sua carreira seja afetada. Imagine ter que esconder fatos importantes da sua vida e condicionar sua forma de ser e agir para preservar um emprego ou o relacionamento com os familiares.

Participe do bate-papo, entenda o que significa ser LGBT+ e descubra como o respeito e a empatia podem transformar vidas.

image-mes-da-diversidade-gft-page-image-lgbt

Conteúdo + roda de conversa

gft-mes-diversidade-vladimir-alves

Quando: 25 de junho (terça-feira).
Horário: das 15h às 17h.
Onde:

  • GFT Alphaville - presencial no Espaço Descompressão,
  • GFT Curitiba - transmissão na Área de trabalho,
  • GFT Sorocaba - transmissão no Lounge do 3º andar,
  •  Alocados - via transmissão online (zoom).


Sobre o palestrante:

Vladimir Alves é gerente de Diversidade & Inclusão América Latina e Aquisição de Talentos para América do Sul na John Deere, líder mundial na fabricação de equipamentos agrícolas.

O executivo tem mais de 25 anos de carreira na área de Recursos Humanos em grandes empresas nacionais e multinacionais. Graduado em Administração de Empresas pela UFSC, Vladimir possui mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e especialização em Recursos Humanos pela PUC/RS.
 

 Moderador:

Marcos Nona nasceu em São Paulo, tem 28 anos e é movido a café e boas histórias. Já interrompeu um curso de bacharelado em Farmácia e Bioquímica quando descobriu que sua verdadeira vocação estava na palavras e nos caminhos da comunicação. Atualmente é formado em jornalismo pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP) e integra o time de Marketing da GFT Brasil.

Durante a faculdade, teve contato com coletivos LGBT+ da USP e produziu conteúdos diversos em texto e vídeo sobre diversidade. Sua maior realização foi gravar um documentário com participação da cantora e drag queen Pabllo Vittar.